Kia Notícias

Notícia Kia CEED Sportswagon é “Familiar do Ano” em Portugal

3-03-2019

A nova Kia CEED Sportswagon foi eleita o “Familiar do Ano” em Portugal, no âmbito da 36ª edição do Carro do Ano/Troféu Volante de Cristal 2019, a mais prestigiada votação automóvel em Portugal.

A distinção é o culminar de um trabalho de quatro meses de testes aos 23 modelos que se apresentaram a concurso nas diversas categorias do “Carro do Ano” em Portugal e que foram votados por um júri constituído por 19 jornalistas, em representação de alguns dos mais relevantes meios de comunicação social portugueses. A 36ª edição do Carro do Ano/Troféu volante de Cristal foi organizada pelo Expresso e pela SIC.

“Quando se diz que está tudo inventado, a Kia consegue surpreender e apresentar um modelo inovador no segmento dos familiares, onde a concorrência é fortíssima e onde a oferta é extremamente alargada”, considera João Seabra, Diretor-Geral da Kia Portugal. “Ver estes atributos reconhecidos por um júri altamente qualificado e eclético, como é o do Carro Ano/Troféu Volante de Cristal, representa para nós um enorme motivo de satisfação, mas também um estímulo para continuarmos fiéis ao espírito da marca, o ‘Power to Surprise’”, sublinha o mesmo responsável.

A versão a concurso distinguida como “Familiar do Ano”, a Kia CEED Sportswagon 1.6 CRDi 136 cv, foi avaliada pelos jurados em itens como Design, Construção e Inovação, Funcionalidade, Comportamento e Segurança, Performances, Consumo e Eficiência, e Preço.

Lançada no mercado português no terceiro trimestre do ano passado, a versão Sportswagon do CEED partilha o mesmo espírito disruptivo da versão de cinco portas e que conhece agora a sua expressão máxima com a shooting brake Proceed, que acaba de se estrear no nosso país.

Partilhando o design atlético, a nova plataforma e as novas motorizações lançadas com o hatchback de cinco portas, a CEED Sportswagon destaca-se pelo vão traseiro prolongado em 115 mm (para os 1070 mm) em comparação com o seu antecessor. Os 4600 mm de comprimento total (um aumento de 95 mm) permitem oferecer um espaço de carga significativamente maior, que se traduz num volume total de 625 litros – uma cifra que é superior à maioria das carrinhas de segmento D.

As expectativas dos clientes dos tourers do segmento C vão para além da capacidade de carga. Por isso, os designers da Kia asseguraram-se que a versatilidade e a facilidade de utilização seriam os principais pontos fortes do CEED Sportswagon, tornando-o assim num dos automóveis mais práticos da sua classe. Os bancos traseiros, com a sua configuração 40:20:40, podem ser rebatidos à distância através de um simples toque numa alavanca situada na porta da bagageira. Com os bancos rebatidos, o piso da bagageira fica totalmente plano. Todos os CEED Sportswagon contam ainda com um espaço de carga sob o piso (que permite guardar ou esconder objetos mais pequenos), para além de uma cobertura tensionada e de um gancho para sacos, que evitam que as compras e outros objetos circulem desorganizadamente pelo espaço de carga. As barras de tejadilho integradas são outro equipamento de série, que oferece uma capacidade de carga suplementar.

Artur Martins distinguido como “Personalidade do Ano”

Para além de distinguir os melhores carros do ano, a 36ª edição do Carro do Ano/Troféu Volante de Cristal atribuiu ainda o prémio “Personalidade do Ano” a Artur Martins, vice-presidente para o Marketing da Kia Motors Europe.

Este português, que desde 2014 está à frente da estratégia de marca na Europa, tem sido um dos rostos da transformação da Kia e do seu novo posicionamento. Formado no ISCTE, Artur Martins detém uma carreira de mais de duas décadas na área de marketing de várias empresas do sector automóvel, nomeadamente na Fiat Portugal, Alfa Romeo, Toyota, Seat Espanha e, antes de ingressar na Kia Motors Europe, na Volkswagen Brasil.

“Foi com enorme orgulho que recebi a notícia da distinção que me foi atribuída no âmbito dos prémios do Carro do Ano/Troféu Volante de Cristal 2019. É uma grande honra, enquanto profissional e enquanto português, mas tenho de sublinhar que ela é o resultado do esforço de uma grande equipa, da qual tenho o prazer de fazer parte. Este é um prémio, por isso, que partilho com toda a organização da Kia”, disse Artur Martins.